segunda-feira, 2 de agosto de 2010

eu sempre pensei tanto em seguir, que só agora no final descobri que eu não preciso a seguir a nada, tenho me levar junto ao vento, como se eu fosse apenas uma gota desse sentido que me deixa a cada dia mais louco como se meu mundo não precisasse do meu eu, minha loucura sensata pra você eu sei, mas e daí? o que importa pra você não é o que eu penso, e nem o que eu sou, mas quero que saibas que mesmo assim confuso e complicado permaneço em mim, de uma forma que nem o seu amor chega perto do meu, diga o que quiser suas palavras são lindas, mas não são o suficiente pra chegar aos meus ouvidos...